HOME PAGE

A MEMÓRIA DA MÚSICA POPULAR

DISCOS DE SUCESSOS

DISCOS RAROS

FALE CONOSCO

 ÂNGELA CARLOS E ANGELA MARIA

ÂNGELA CARLOS

CANTORA PARAENSE ÂNGELA CARLOS FINALIZA GRAVAÇÃO DO SEGUNDO CD

 

Vilarejo Íntimo terá participação do mestre da bossa nova Roberto Menescal

Texto: Assessoria de Imprensa Brasileirinho/Fábio Gomes

Foto: Bob Menezes

A cantora Ângela Carlos colocou voz nas músicas de seu segundo CD, Vilarejo Íntimo, no  dia 24 de janeiro, em Belém (PA). No repertório do CD, predominam clássicos da música popular brasileira, entre os quais "A Vizinha do Lado" (Dorival Caymmi), "Sonho Meu" (Dona Ivone Lara - Délcio Carvalho) e "Fita Amarela" (Noel Rosa). Já confirmaram participação especial no disco o cantor Celso Viáfora, a Velha Guarda da Mangueira e o mestre da bossa nova, Roberto Menescal.

Roberto Menescal toca guitarra e violão em "Vai de Vez" (parceria sua com Lula Freire), enquanto  Viáfora divide com Ângela o vocal de "Daqui" (Celso Viáfora - Zé Edu). Já a Velha Guarda da Mangueira dará o aval carioca a um samba do Pará, justamente a música que  dá nome ao disco: "Vilarejo Íntimo" é uma parceria de Ângela com o jovem cantor e compositor paraense Arthur Espíndola, radicado no Rio de Janeiro. A participação da Velha Guarda será gravada no começo de março; Ângela viaja para a Cidade Maravilhosa especialmente para este registro.  

Vilarejo Íntimo já tem definidos dia e local de pré-lançamento: 8 de março de 2009, no Shopping Iguatemi Belém, num evento para convidados. Além de ser o Dia Internacional da Mulher, a data assinala os 10 anos de carreira de Ângela Carlos, iniciada com o show Sonho de Bossa, uma homenagem a Vinicius de Moraes e Tom Jobim. Outro importante show também era um tributo: em Elis Zet (2003), cantava músicas dos repertórios de Elis Regina e Elizeth Cardoso. 

O CD  tem produção executiva de Francy Oliveira (Pérola Produções), arranjos e produção musical do maestro Tynnoco Costa e Ângela Carlos, fotos e arte gráfica de Bob Menezes e divulgação de Fabio Gomes (Assessoria de Imprensa Brasileirinho). A chegada do disco às lojas está prevista para a primeira quinzena de abril.

Nos planos de Ângela para 2009, estão a gravação de seu primeiro DVD, também intitulado Vilarejo Íntimo, e de seu primeiro videoclip - em que, dirigida pela premiada cineasta paraense Priscilla Brasil, cantará "Me Deixa em Paz" (Monsueto - Airton Amorim).

Enquanto aguarda a concretização destes projetos, a cantora segue sua agenda de shows em Belém.

DISCOMENTANDO ENTREVISTA  A CANTORA ÂNGELA CARLOS (maio, 2009)

Entrevistamos a cantora e compositora paraense Ângela Carlos, merecedora de vários prêmios pelas suas interpretações no mercado de música independente. Ângela Carlos tem motivações fortes para se considerar uma vencedora, pois se diz ter sido influenciada por nomes como Pixinguinha, Caetano Veloso, Dolores Duran, Gal Costa, Ângela Maria, Adoniran Barbosa, Elza Soares, Dorival Caymmi, Vinicius de Moraes, Rita Lee, Raul Seixas e outros cobras da música popular brasileira. Descobrimos Ângela Carlos através do noticiário pela internet. E fomos conversar com esse talento, no seu décimo aniversário de atividades artísticas. 

Foto: Erika Nunes

DISCOMENTANDO  - Como você definiria Ângela Carlos.
Ângela Carlos - É uma mãe dedicada, esposa apaixonada, estudiosa da música, gosta de ir para academia, faz questão de deixar e buscar suas filhas na escola - é certo, quando não estou viajando com show... Adooooooro dormir, leio a Bíblia com muita frequência, pois sou evangélica praticante e muito feliz por amar a Deus, sou amiga fiel, respeito o meu próximo com amor.  
DISCOMENTANDO  - Ângela Carlos, relate-nos como foi o começo de sua carreira.
Ângela Carlos - Minha carreira no início foi muito difícil, pois eu era executiva de uma grande marca de móveis, e as pessoas falavam que eu era uma enganação como cantora, mas o mundo dá as suas voltas e eu provei com a minha arte o que sou de verdade.
DISCOMENTANDO  - Você diz ter sido influenciada por grandes nomes da música brasileira. Como foi essa influência? Você já cantava ou compunha antes mesmo de começar oficialmente sua carreira? Você conheceu algum desses intérpretes ou compositores? Alguém já lhe falou que você imita tal cantora?
Ângela Carlos - Em minha infância bebi de todos os gostos musicais: meu irmão mais velho gosta de sertanejo, meus pais de Nelson Cavaquinho, Angela Maria, Carlos Gardel,  Dolores Duran, Tropicália, de tudo. Conheci samba de raiz, choro. Em minha casa respirávamos música, se um batia no prato, o outro já pegava uma panela e assim ia.... Minha avó materna tocava piano e acordeon; meu irmão, violão. O meu  pai sempre deixou instrumentos espalhados pela casa. A vitrola da casa de minha vó ficava à nossa disposição com os discos de Roberto Carlos, Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Elza Soares, Cartola, Noel Rosa... ufa!  Tive o privilégio de conhecer Ângela Maria, Perla (cantora paraguaia), quando eu tinha 12 anos de idade elas foram fazer show em minha cidade natal, Castanhal, e meu tio é que levava os artistas pra fazer show na cidade. Eu me lembro que eu achava que o Nelson Ned era criança porque ele era do meu tamanho...(risos) Não, nunca me falaram que eu imitava alguma artista, até porque eu sempre busquei a minha identidade, minha voz e o meu estilo. Eu, quando criança, escrevia textos de teatro de marionete pra escola, e os meus professores só me davam nota 10. Eu sempre fui muito criativa, tanto que sou eu quem escrevo os roteiros dos meus shows, dirijo os meus shows, faço a escolha da luz, cenografia... o show Vilarejo Íntimo, que entra em cartaz nos dias 30 e 31 de maio, vem com a minha assinatura em tudo. Claro que eu tenho uma equipe afinadíssima que me respeita muito e acata o que apresento e também sempre aceito os ajustes de minha equipe, quando preciso.
DISCOMENTANDO  - Imaginamos que o primeiro disco gravado, por qualquer artista, é produto de muito planejamento. Foi assim que ocorreu quando do lançamento de seu primeiro CD?
Ângela Carlos - Sim, não poderia ser diferente, só que eu planejei e não tinha dinheiro para a execução. Tive que vender um caminhão e dois terrenos da familia pra realizar o meu tão sonhado CD Na Cabeça das Pessoas. Tudo foi contado, no tempo e na moeda... (risos)
DISCOMENTANDO  - Fale-nos um pouco de seu segundo cd.
Ângela Carlos - Vilarejo Íntimo é um cd de releitura de clássicos da MPB: Noel Rosa, Dª. Ivone Lara, Roberto Menescal, Ivan Lins, Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Monsueto, Paulinho da Viola, além de inéditas de Ângela Carlos e Arthur Espindola. Tem participação da Velha Guarda da Mangueira. Um material de primeira mesmo. Tenho muito orgulho deste trabalho, escolhi o Maestro Tynnôko Costa pra fazer os arranjos e a produção comigo e tudo deu certo. O cd chega no mercado nacional no segundo semestre porque tive alguns imprevistos, mas já está prontinho. A mixagem está sendo feita pelo João Damasceno, do Bossacucanova. A capa  está delicada, as fotos foram feitas todas dentro do meu quarto, exatamente por ser o meu Vilarejo Íntimo.
DISCOMENTANDO - Você está preparando as malas para uma turnê pela Espanha, pelo que nos consta. Como será essa excursão?
Ângela Carlos - Realmente estou muito feliz por saber que vou apresentar o meu trabalho fora do meu país, é tudo que um artista sonha. Estou preparando tudo com muito carinho, as malas já estão prontíssimas, só falta fechar o zíper... (risos)
DISCOMENTANDO  - Quais são seus próximos planos para a carreira?
Ângela Carlos - Eu inicio a minha turnê do show Vilarejo Íntimo em Belém,  agora nos dias 30 e 31. Em junho, Tucuruí e Marabá, em julho canto no litoral do nordeste paraense, na cidade de Salinas. Em agosto, Castanhal, Parauapebas, Bujarú e assim vamos, vou fazer todos os municípios de meu estado onde eu possa montar um palco. E daí parto para Porto Alegre, vou levar meu show para o Theatro São Pedro, acredito que em outubro chego pelos pampas. Meu DVD deve sair só depois que a turnê do Vilarejo Íntimo completar um ano, pois quero pegar imagens de vários lugares por onde eu cantar pra acrescentar no material. Vou viajar com uma câmera pra fazer a captação dos shows, quero que seja uma forma de documentário da minha carreira.
DISCOMENTANDO - Agradecemos pela sua amável atenção e desejamos que você continue fazendo sucesso e encantando a todos com sua voz.

 


ANGELA MARIA


PUBLICAÇÕES NA IMPRENSA

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 28-06-1958

"...

Noticiário

...

Discos Copacabana mais vendidos:

"Leilão de São João" e "Alma de Palhaço" (Carequinha) - ... - LPs: "Quando os Astros se Encontram" (Angela Maria e Waldir Calmon) - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 17-07-1958

"...

Notas em Hi-Fi

Depois de Leny, Elizete, Angela Maria e vários outros artistas da Copacabana, também Inezita Barroso e Dolores Duran arrumaram suas malas para levar a nossa música para o exterior.

...

Angela Maria renovou contrato com a Copacabana Discos.

..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 23-07-1958

"...

Noticiário

...

Angela Maria estará em Porto Alegre dia 20, de regresso da capital uruguaia, apresentando-se pela primeira vez após o seu recente casamento com o sr. Rodolfo Valentino.

..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 14-02-1959

"Notícias da Copacabana

...

"Balada Triste", outro sucesso que vem tendo a Copacabana na voz inigualável de Angela Maria.

..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 02-04-1959

"Notícias de Primeira

...

Eis os sucessos no Rio e São Paulo: "Não Digo o Nome", Anísio Silva (Odeon) - ... - "Balada Triste", Agostinho dos Santos (RGE) e Angela Maria (Copacabana) - ..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 09-04-1959

"Galeria de Sucessos

...

1o. Jambalaya - Brenda Lee - Decca

2o. When - Kalim Twins - Decca

3o. Balada Triste - Agostinho dos Santos - RGE e Chega de Saudade - João Gilberto - Odeon

4o. Balada Triste - Angela Maria - Copacabana.

..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 12-04-1959

"...

Notas em Hi-Fi

A RCA Victor está para lançar um long-play do grande cantor Carlos Gonzaga - No próximo suplemento da Copacabana, em long-plays, teremos os Irmãos Bertussi, em "Pagos do Sul"; Altamiro Carrilho em "Enquanto Houver Amor"; "O Rei da Noite", com Betinho; "Dançando Com Você, n.2", com Moacyr Silva e "Angela Maria Canta os Sucessos de David Nasser". - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 15-04-1959

"...

A Voz do Caramujo

...

Recebida pelos senhores Yoshio Suziki e Suzumo Kobayashi, respectivamente Presidente e Secretário da Exposição Flutuante e Industrial do Japão, Angela Maria visitou o navio-exposição, o "Atlas Maru", tendo sido festejadíssima pelo comandante e por toda a tripulação. Depois a Rainha foi convidada a cantar. Arrumaram os alto-falantes de todo o navio e, da cabina, Angela Maria cantou "Ontem e Hoje", de Getulio Macedo e Irany de Oliveira, "Balada Triste", de Vogeler e Esdras Silva e, por fim, "Rolei", estrondosamente cantado em coro por todos os presentes, inclusive os japoneses. Os milhares de visitantes brasileiros que estavam a bordo do navio renderam à popularíssima estrela uma estrondosa ovação. Angela distribuiu os seus LPs e 78s, tendo enviado uma coleção completa deles para a Rádio de Toquio."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 21-05-1959

"...

Estes São Os Sucessos

...

1o. Jambalaya - Brenda Lee - Decca

2o. A Deusa do Asfalto - Nelson Gonçalves - RCA Victor

3o. Piove - Sergio Brunni - Odeon

4o. Margarida - Sonia Dutra - RCA Victor

      Siete Notas de Amor - Trio Los Panchos - Columbia

      Balada Triste - Angela Maria - Copacabana

..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 06-07-1959

"...

Sucessos

...

"Quando os Astros se Encontram" (Angela Maria e Waldir Calmon) - "Brasil Romântico" (João Dias)."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 04-09-1959

"...

Notas em HiFi

Marlene Dietrich revelou ser fan de Angela Maria. - ..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 16-12-1959

"Lançamentos Copacabana

Em 33 1/3 RPM: "Mambos", com Waldir Calmon; ...; "Angela Maria Apresenta Fernando Cesar e seus Amigos"; ..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 25-02-1960

"...

Os Discos Mais Vendidos Do Caramujo

...

"La Violetera", com Angela Maria; ...; "Ave Maria", com Angela Maria; "Angela Maria Apresenta Fernando Cesar e seus Amigos;..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 27-02-1960

"...

Notas em Destaque

Angela Maria, artista da Copacabana, voltou a atuar na Boite Oasis - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 18-03-1960

"As Sugestões do Momento

Entre as últimas novidades lançadas recomendamos...

Da etiqueta Copacabana sugerimos Angela Maria Apresenta Fernando Cesar e seus Amigos; Boleros em Desfile N. 2, com Altamiro Carrilho e seu Conjunto de Solistas.

Em 78 rotações, Hino ao Amor, com Morgana; Canção Emocional, com Angela Maria; Sonho Maluco, com Marita Luizi e Perfume de Gardênias, com Chaim e seu Conjunto.

..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 01-04-1960

"Somente Tu: Um Novo Sucesso

...

Angela Maria Apresenta Fernando Cesar e Seus Amigos

Angela Maria gravou um "33" com doze melodias inéditas e agradáveis. O interesse da Copacabana foi realizar mais um brilhante LP da querida cantora brasileira. E o fez de forma magnífica reunindo músicas de Fernando Cesar e mais outros treze consagrados compositores. As faixas que formam este sensacional lançamento obedeceu a seguinte ordem: "Noite Chuvosa" (samba-canção de Fernando Cesar e Britinho) - "Se Tem Que Ser" (bolero de Fernando Cesar) - "Amar e Sofrer" (samba-canção de Fernando Cesar) - "Outro Amor Para Toda Vida" (balada-rock de Fernando Cesar e Baden Powell) - "O Ciúme" (samba-canção de Fernando Cesar e Guilherme de Almeida) - "Canção do Desejo" (samba-canção de Nazareno de Brito e Ribamar) - "Conversa da Madrugada" (samba-canção de Nazareno de Brito e Ribamar) - "Canção Emocional" (beguine de Haroldo Eiras e Waldir Finoti) - "Quantas Palavras" (samba-canção de Armando Cavalcante) - "Quando Eu Tiver Uma Estrela" (bolero de Fernando Cesar) - "Faça o Que Quizer" (samba-canção de Luiz Bonfá e Antonio Maria) - "O Novo Amor" (samba-canção de Evaldo Gouvea e Gilberto Ferraz).

..."

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 12-04-1960

"Novidades da Copacabana

Em long-play a Copacabana lançou na praça as seguintes gravações:

...

Na categoria de 78 rotações, temos: "Lampião de Gás" - Canção do Jornaleiro (Franquito) - ... - "Ingenuamente" - "Ironia" (Angela Maria) - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 03-05-1960

"Lançamentos Polydor

...

Para Todos os Gostos

Música Americana - ...

Dançante - ...

Popular Brasileira - Algo que realmente interessa aos fans deste gênero: "Angela Maria Apresenta Fernando Cesar e Seus Amigos". Um interessante álbum com uma seleção de belas melodias de conhecidos compositores, como Fernando Cesar, Jair Amorim, Nazareno de Brito, Haroldo Eiras, Armando Cavalcante, Luiz Bonfá, Evaldo Gouveia, Gilberto Ferraz, Antonio Maria, Ribamar, Waldir Pinoti, Baden Powell, Guilherme de Almeida, Georges Moran e Britinho. LP Copacabana CLP-11.125." 

DiscoVision - Estado do Rio Grande - 20-06-1960

"Novidades em Extended-Play

...

Novidades em Long-Play

...

Notas em Destaque

... - Entre os sucessos do momento, salientamos: "La Violetera", com Angela Maria (Copacabana) - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 01-07-1960

"Discografia de Sammy Davis Jr.

...

Novidades da Musidisc

...

Os Sucessos do Momento

Apresentamos uma lista de gravações mais procuradas atualmente nas lojas especializadas em discos, de Porto Alegre:

"Menina Moça", com Tito Madi (Columbia) - ... - "La Violetera", com Angela Maria (Copacabana) - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 16-07-1960

"Novos Lançamentos Copacabana

"Rock do Mendigo" - Extended-play apresentando Moacyr Franco, em "Tu És o Meu Grande Amor", "Romântica", "Rock do Mendigo" e "Quero Amar" (I Like Girls) - ...

Sucessos Copacabana - São as seguintes as gravações do selo do Caramujo mais procuradas nas lojas especializadas:

Long-play - ...

Extended-play - "As Aves Marias", com Angela Maria e Os Canarinhos de Petrópolis - ...

Em 78 rotações - "Tu És Meu Castigo", com Agnaldo Rayol - ... - "Ironia", com Angela Maria - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 26-08-1960

"Os Sucessos do Momento

"Pillow Talk (Doris Day - Columbia) - ... - "La Violetera" (Angela Maria - Copacabana) - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 13-12-1960

GRANDE RENOVAÇÃO NO "CAST" DA CONTINENTAL - LANÇAMENTO DA NOVA ETIQUETA DISQUINHO - BOAS AQUISIÇÕES PARA POSTOS CHAVES NA ADMINISTRAÇÃO

A CONTINENTAL, que não poupa esforços em bem servir ao público com boas gravações, vem de sofrer grande renovação em seus vários setores.

Está bem claro o bom trabalho da CONTINENTAL. A aceitação de muitas produções fonográficas e a fama que estão alcançando os seus artistas, dizem bem  da ansiedade existente entre os atuais dirigentes da citada etiqueta em mantê-la no primeiro plano da fonografia nacional. 

Uma das renovações que sofreu a CONTINENTAL foi a de aparelhamento de gravação nos dois estúdios, Rio de Janeiro e São Paulo. A aquisição da máquina Scully dará também um novo impulso nesta fase, pois é a mais moderna máquina do momento para o corte de matrizes. A reestruturação interna dos setores Repertório e Vendas  foi outro ponto atingido. Foi lançado o Departamento Internacional, que cuidará das importações e exportações de discos, com a máxima presteza. O "cast" foi renovado por elementos capazes de atender às preferências do público. Dentre os novos figuram os nomes de Gordurinha, dono de vários sucessos; Carlos José, cantor já consagrado; Valéria, que despontou como "lady-crooner" do conjunto de Steve Bernard; The Bells, conjunto vocal de quatro rapazes que cantam os ritmos atuais com impressionante precisão; Steve Bernard, famoso organista que já gravou muitos êxitos; Luis Roberto e Jair Humberto, duas vozes bonitas em estilos diversos; Ted Moreno, já bastante conhecido e muitas vezes premiado em sua curta carreira; Os Cariocas, em auspicioso retorno; e a mais recente aquisição, que se chama Angela Maria, cantora que dispensa qualquer comentário. E muitos outros poderiam ser citados.

Dentro deste plano de renovação foi lançada a nova etiqueta, DISQUINHO, o contador de histórias para a petizada. Foi modificado o clássico emblema "três sininhos" para caracterizar a nova fase. A CONTINENTAL passará a exportar gravações em "stéreo" e monaural para os Estados Unidos, América do Sul e Europa.

É esta a nova meta que está sendo gradualmente planejada, graças à qualidade do som que a autoriza a buscar mercados externos e, de outro lado, o acentuado espírito de equipe que vem norteando todas as deliberações da Gravadora."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 31-12-1960

"Panorama do Disco em 1960

...

Angela Maria fez sucesso com "La Violetera" quando ainda gravava na Copacabana. Após muitos boatos, assinou contrato de exclusividade com a Continental, que, em sua nova fase, está auxiliando no progresso da indústria de discos no Brasil.

..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 21-01-1961

"ENCERRAMENTO FESTIVO DO ANO DE 1960 NA CONTINENTAL

A Etiqueta dos Três Sininhos, demonstrando o quanto está feliz com os excelentes resultados alcançados no ano recém findo, resolveu premiar todos os artistas de seu "cast" realizando para esse fim uma agradável reunião em que artistas, diretores e funcionários puderam externar os sentimentos de amizade e entusiasmo pela tradicional etiqueta.

.....

Os nomes de todos os artistas que mereceram da direção da Continental os agradecimentos pela colaboração em 1960 acham-se abaixo relacionados:

Araci Costa - Albertinho Fortuna - Angela Maria - Antonio Rago - Barbara Ardanui - Carlos José - Claudia Zimmer - Conjunto Flamboyant - Dilermando Reis - ....."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 17-02-1961

"Quando a Noite Vem" - Um long-play que marca a estreia da cantora Angela Maria na Continental. Repertório selecionado. Um lançamento de alto quilate produzido por Nazareno de Brito.

LP de Estreia de Angela Maria na Continental.

Angela Maria, a apreciada intérprete brasileira, gravando na Continental, estreia com um long-play "surpresa", intitulado "Quando A Noite Vem". Referimo-nos a um lançamento "surpresa" porque não esperávamos um repertório tão variado como o que temos em "Quando A Noite Vem".

Quem produziu este disco foi Nazareno de Brito, profundo conhecedor das preferências musicais do público brasileiro.

A seleção que consta no LP obedece à seguinte ordem:

Pepe (mambo - Lemaltre, versão de Santana) - A Saudade Não Foi Leal (samba - Jorge Duarte e Norival Reis) - Quando A Chuva Chegar (bolero - Fernando Cesar e Britinho) - Quando A Noite Vem (balada - Mirabeau e Waldir Rocha) - Il Nostro Concerto (slow - Biridi e Calabrese) - Graças (bolero - Midiguilar e Velarde, versão de Don Robert) - Dom Quixote (balada - Algueró e Garcia Segura, versão de Nazareno de Brito) - Ritmo Gostoso (sorongo - Pedro Santos e Nelson de Mattos) - Os Olhinhos do Menino (toada - Luiz Vieira) - Para Não Sofrer (samba - Renan França e Anthero de Mattos) - Instante de Amor (samba - Paulo Soledade) - La Boa (cha-cha-cha - Carlos Reys e Felix Reynan, versão de N. Soares).

Lançamento da etiqueta Continental, com arranjos de Severino Filho, Severino Araujo e Radamés Gnatalli. Capa: belo trabalho. LPP-3.144.

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 01-07-1961

"...

Notas em Hi-Fi

Sucessos da semana no Rio de Janeiro: "Flor do Meu Bairro" (Nelson Gonçalves), "A Noiva" (Angela Maria), ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 22-07-1961

"...

Melhores Discos

"Nunca aos Domingos" (Hebe Camargo), em 1o. lugar - "A Noiva" (Angela Maria) - ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 29-07-1961

"Notas em Hi-Fi

...

Os discos mais vendidos na cidade do Rio de Janeiro: "Coração de Luto", com Teixeirinha(Chantecler); "A Noiva", com Angela Maria(Continental)..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 31-12-1961

"Panorama do Disco em 1961

...

Os Melhores Long-Plays Editados em 1961

"Quando a Noite Vem", com Angela Maria (Continental), ..., "Não Tenho Você", com Angela Maria (Continental), ..."

DISCOMENTANDO - Jornal do Dia - 01-01-1963

"Panorama do Disco em 1962

...

Os Mais Destacados Lançamentos em Discos em 1962

"Sol de Ouro em Céu Azul", Pery Ribeiro (Odeon), ..., "Meu Ex-Amor", Angela Maria (RCA Victor), ..."

PROGRAMAS DE RÁDIO

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 16-04-1961

(Texto) A preferência dos ouvintes de "A Sua Manhã de Domingo", selecionou, para o segundo lugar, a balada de Algueró e Garcia Segura, em versão de Nazareno de Brito, "Dom Quixote", que apresentaremos na gravação Continental, na voz de Angela Maria, do LP "Quando a Noite Vem".

(Rodado: Dom Quixote, LP Quando A Noite Vem, Ld B Fxa 1, Continental).

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 14-05-1961

(Texto) Todos os postos estão ocupados por novos sucessos. Está bem claro que a nossa parada de êxitos é bastante variável, porque se trata de uma parada de preferências dos ouvintes, e não dos sucessos atuais. E para o segundo lugar, vamos ter o cha-cha-cha de Carlos Reys e Felix Reynan, em versão de N. Soares, "La Boa". Interpreta Angela Maria, em disco Continental.

(Rodado: La Boa, LP Quando A Noite Vem, Ld B Fxa 6, Continental)

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 21-05-1961

(Texto) Elza Soares informou há pouco tempo que só sairá do Rio de Janeiro faturando 80 mil cruzeiros diários. Mas não se espantem, porque Angela Maria está pedindo 120 mil.

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 28-05-1961

(Texto) Excepcionalmente na audição de hoje, apresentaremos um desfile de long-plays, em substituição a nossa "Parada de Novidades".

Assim sendo, vamos iniciar a nossa parada de long-plays populares anunciando Angela Maria, a apreciada intérprete brasileira, em gravação Continental, intitulada "Quando A Noite Vem". Este disco assinalou a estreia da cantora na fábrica Continental. O repertório contido no disco é variado e bem selecionado. Quem produziu o LP de alto quilate, "Quando A Noite Vem", foi Nazareno de Brito, divulgador da Continental e profundo conhecedor das preferências do público brasileiro. Os arranjos são de Severino Filho, Severino Araujo e Radamés Gnatalli. Dele selecionamos o bolero "Quando A Chuva Chegar", de Britinho e Fernando Cesar.

(Rodado: Quando A Chuva Chegar, LP Quando A Noite Vem, Ld A Fxa 3, Continental).

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 01-04-1962

(Texto) "O Trio Campeão da Semana" anuncia a seguir a apresentação da música que mais solicitações recebeu durante o primeiro ano do Programa "A Sua Manhã de Domingo". Trata-se da balada de Joaquim Prieto, em versão de Fred Jorge, "A Noiva", que Angela Maria gravou em Discos Continental.

(Rodado: A Noiva, LP Não Tenho Você, Ld A Fxa 1, Continental).

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 28-10-1962

(Texto) Eis os sucessos do momento na cidade do Rio de Janeiro:

"Speedy Gonzalez", com Pat Boone, em disco RGE; "O Trovador de Toledo", na interpretação de Gilda Lopes, em selo Odeon; e "O Arlequim de Toledo", na voz de Angela Maria, em gravação RCA Victor.

PROGRAMA "A SUA MANHÃ DE DOMINGO" - Rádio Pampa - 13-12-1964

(Texto) Na sequência de "Carnaval de Outrora", dentro do Programa "A Sua Manhã de Domingo", recordaremos agora o Carnaval de 1961, através de um de seus grandes êxitos: "A Lua É Dos Namorados", de Armando Cavalcanti e Klecius Caldas, com Angela Maria, em disco Continental.

(Rodado: A Lua É Dos Namorados, LP Carnaval de 1961, Ld A Fxa 2, Continental).

APONTAMENTOS

Abelim Maria da Cunha (Angela Maria) nasceu em Conceição de Macabu, distrito de Macaé, no Rio, em 13 de maio de 1928.

Iniciou a carreira como crooner aos 20 anos. Em 1951 gravou o samba "Não Tenho Você", sucesso por muitos anos. O apelido de "sapoti" foi dado pelo Presidente Getúlio Vargas. Eternizou sucessos como "Vida de Bailarina", "Gente Humilde", "Lábios de Mel", "Babalú" e outras composições.

DISCOGRAFIA

1951 - 78rpm - "Não Tenho Você" - Copacabana

s/dta - LP "Angela Maria" - Copacabana

s/dta - LP "A Rainha Canta" - Copacabana

s/dta - LP "Sucessos de Ontem na Voz de Angela Maria" - Copacabana

s/dta - LP "Sucessos de Ontem na Voz de Angela Maria - Vol. 2" - Copacabana

s/dta - LP "Sucessos de Ontem na Voz de Angela Maria - Vol. 3" - Copacabana

s/dta - LP "Isto é Angela" - RCA Victor

1956 - 78rpm - "Inspiração" - "Mentindo" - Copacabana

1956 - 78rpm - "Fala Mangueira" - Copacabana

s/dta - LP "Para Você Ouvir e Dançar" - Copacabana

1958 - LP "Quando os Astros se Encontram" (Angela Maria e Waldir Calmon) - 

1959 - LP "Angela Maria Canta Os Sucessos de David Nasser" - Copacabana

1959 - LP "Angela Maria Apresenta Fernando Cesar e Seus Amigos" - Copacabana

s/dta - LP "Angela Maria Canta Boleros" - Copacabana

1959 - 78rpm - "Balada Triste" - Copacabana

1960 - 78rpm - "Canção Emocional" - Copacabana

1960 - 78rpm - "Ingenuamente" - "Ironia" - Copacabana

1960 - 78rpm - "La Violetera" - Copacabana

1960 - EP "Ave Marias na Voz de Angela Maria - Copacabana

1961 - LP "Quando A Noite Vem" - Continental

1961 - LP "Não Tenho Você" - Continental

s/dta - LP "Angela Maria" - Continental

1961 - 78rpm - "A Noiva" - Continental

1961 - 78rpm - "A Lua É Dos Namorados - Continental

1961 - 78rpm - "Pepe" - Continental

1961 - 78rpm - "Dom Quixote" - Continental

1963 - 78rpm - "Meu Ex-Amor" - RCA Victor

1969 - LP "Angela Maria Canta Adelino Moreira" - RCA Victor

s/dta - LP "Angela Maria Canta Para o Mundo" - RCA Victor

s/dta - LP "Angela Maria Canta Para o Mundo - Vol. 2" - RCA Victor

s/dta - LP "A Maior Maria" - RCA Victor

s/dta - LP "Os Grandes Sucessos" - RCA Camden

s/dta - LP "Os Grandes Sucessos - Vol. 2" - RCA Camden

1969 - LP "A Brasileiríssima" - Copacabana

1970 - LP "Angela Maria de Todos os Temas" - Copacabana

1971 - LP "Angela" - Copacabana

1972 - LP "Angela Maria" - Som

1975 - LP "Angela" - Copacabana

1975 - LP "16 Seleções de Sucessos" - Som

1977 - LP "Os Mais Famosos Fados" - Copacabana

1977 - LP "Os Mais Famosos Tangos" - Copacabana

1977 - LP "Angela Maria" - Beverly

1978 - LP "Angela Maria...Com Amor e Carinho" - EMI

1979 - LP "Angela Maria e Agnaldo Timóteo" - EMI

1982 - LP "Angela Maria e Cauby Peixoto" - EMI

1983 - LP "Os Grandes Sucessos de Angela Maria" - Magazine

1984 - LP "Sempre Angela" - EMI

1985 - LP "35 Anos de Carreira" - RGE

1985 - LP "Inverno/Verão Apresenta Angela Maria" - RGE

1985 - LP "Angela Maria" - RGE

1987 - LP "Angela Maria" - RGE

s/dta - CD "Angela Maria - Série Cantores do Rádio" - Disco duplo - EMI-Copacabana

s/dta - CD "A Estrela da Canção" - BMG

s/dta - CD "Pela Saudade Que Me Invade" - Angela Maria e cantores (Tributo a Dalva de Oliveira) - Columbia

1993 - CD "Os Mais Famosos Tangos e Fados" - Movieplay

1996 - CD "Amigos" - Angela Maria e cantores - Columbia

1997 - CD "A Estrela da Canção" - BMG

1998 - CD "Quando Os Maestros se Encontram" - EMI

2000 - CD "Angela Maria" - EMI

2006 - CD "Quando A Noite Vem" - Warner Music

2007 - CD "Angela Maria - Nova Série" - Warner Music